Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘o tempo’

Tempo

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Com cinco anos, procurei sobre a balaustrada.

O tempo, maroto, escapou. Desceu os degraus e se escondeu debaixo da escada.

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Com quinze anos, procurei em capas de livros.

O tempo, ágil, se esquivou. Camuflou-se feito gente, se embrenhou entre os meus amigos.

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Com vinte anos, procurei em uma balada animada.

As luzes coloridas me cegaram, e isso foi suficiente para o tempo fazer outra empreitada.

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Com trinta anos, procurei num tubo de papel.

O danado, outra vez, escapuliu: entre as tiras dos chapéus que voavam nos céus.

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Com quarenta, procurei numa aliança.

O metal eu vi reluzir e, me distraí!, pronto.

O tempo fugiu por entre os pés da (minha) criança.

Tempo, tempo… Cadê o tempo?

Alguém o viu andando por aí?

Tempo…

Efemeridade: crueldade ou benevolência?

O tempo… O tempo passou.

E, junto com ele, a minha inocência.

Read Full Post »